Histórias de Hinos do Hinário Adventista – Nr. 444

Histórias de Hinos — 13 de julho de 2012 23:48

Face a Face

Letra: Carrie Elizabeth Ellis Breck (1855-1934)

Título Original: Face to Face with Christ, My Savior

Música: Grant Colfax Tullar (1869-1950)

Texto Bíblico: Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor. (I Tessalonicenses 4:16 e 17)


Acompanhe o hino no Youtube


1. Quanto almejo ver a Cristo!
Ver-Lhe o rosto, que prazer!
Quando enfim, no lar eterno,
Poderei pra sempre O ver!

Coro:
Face a face eu hei de vê-Lo,
Quando vier em glória e luz;
Face a face lá na glória
Hei de ver meu bom Jesus!

2. Muito ao longe já O avisto,
Vejo como por um véu,
Mas desejo em breve vê-Lo
Face a face lá no Céu!

3. Oh! que encanto estar com Cristo,
Onde já não há mais dor!
Livre de qualquer perigo,
Desfrutando Seu amor!

4. Face a face, que alegria
Há de ser viver assim,
Vendo o rosto tão querido
De quem morto foi por mim!


Muitas histórias que resultam em hinos cristãos, falam de um Deus que está trabalhando continuamente "por trás das cenas" reunindo pessoas, circunstâncias e bênçãos. Essa é a história de Carrie E. Breck (1855-1934) e Grant Colfax Tullar (1869-1950), e da bela canção que eles criaram: Face a Face.

Durante uma série de reuniões evangelísticas em 1898, vários trabalhadores fiéis e com fome estavam reunidos na casa de um pastor, para realizarem um lanche entre as sessões. Entre a multidão, estava o músico Grant Colfax Tullar.

Como um frasco quase vazio de geleia estava sendo passado ao redor, o pastor e sua esposa, sabendo o quanto Tullar gostava de geleia, entregou-a a ele. Seu convidado agradecido sorriu e disse: “Então, isso é tudo para mim?” Com as palavras que saíram de sua boca naturalmente, Tullar foi inspirado a sentar-se ao piano. Aquelas palavras de gratidão tornaram-se o início de uma bela canção.

Inspirado pelo Espírito Santo, Tullar compôs uma bela melodia para acompanhar as palavras: “Tudo por mim o Salvador sofreu, Ele sangrou e morreu; tudo por mim…” O pastor incentivou Tullar a cantar o hino durante a reunião à noite, mas Tullar sabia que a música não havia sido completada.

No dia seguinte, Tullar recebeu uma carta de Carrie Beck (1855-1934). Uma mãe de cinco filhos pequenos, Beck escrevia poesias, enquanto balançava seus filhos. Ela escreveu mais de 2.000 poemas durante a vida. Beck era surda, mas vários de seus poemas foram musicados. Em sua carta a Tullar, Beck pediu-lhe para compor uma música para um poema que ela havia escrito recentemente. A métrica e o sentimento do poema se ajustaram perfeitamente à melodia que Tullar tinha escrito na noite anterior. Era a providência divina! Assim, nascia o hino: “Face a Face”.

Deus havia reunido o escritor e o músico, a letra e a melodia para uma canção destinada a muitos hinários evangélicos, e para trazer muitas bênçãos às nossas vidas. Alguém ainda duvida, o que Deus pode fazer?


Fonte: Hinos Tradicionais


Veja a partitura cifrada deste hino

Veja este hino também no Ministério Cristo Vai Voltar


Tags: