Histórias de Hinos do Hinário Adventista – Nr. 213

Histórias de Hinos — 10 de julho de 2012 23:50

Graça de Deus

Letra: Julia Harriete Johnston (1849-1919)

Título Original: Grace Greater than Our Sin

Música: Daniel Brink Towner (1850-1919)

Texto Bíblico: Porque a graça de Deus se manifestou, trazendo salvação a todos os homens, (Tito 2:11)

Observação: Este hino também é conhecido pelas palavras do primeiro verso: Marvelous grace of our Loving Lord


Acompanhe o hino no Youtube


1. Graça de Deus, infinito amor!
Graça do Céu, dom divinal!
Por Sua morte em amarga dor,
Cristo me trouxe este amor real.

Coro:
Graça, graça,
Fonte de paz que Jesus me deu;
Graça, graça,
Graça maior que o pecado meu.

2. Fardos me oprimem, de angústia e dor,
Quando me vêm ondas do mal,
Mas pela graça do Salvador,
Tenho poder para ser leal.

3. Quão insondável o amor de Deus!
Traz salvação ao pecador.
Por esta graça que vem dos Céus
Sei que estarei com o meu Senhor.


Para aqueles que experimentaram o perdão em Cristo, o tema da graça de Deus nunca pode ser exagerado ou esgotado. Cada pecador pode se unir a Davi no seu pedido:”Compadece-te de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade;apaga as minhas transgressões, segundo a multidão das tuas misericórdias”. (Salmos 51:1- 2). O apóstolo Pedro escreve que somos redimidos “não foi com coisas corruptíveis, como, prata ou ouro (…) mas com precioso sangue, como de um cordeiro, sem defeito e sem mancha, o sangue de Cristo” (I Pedro 1: 18-19). Paulo ensina que a graça achada em Cristo é maior do que os nossos pecados.

Todas as cartas de Paulo estão repletas de referências à maravilhosa graça de Deus. Ele usa temos superlativos para descrevê-la. Em Efésios 2 ele repete:”pela graça sois salvos” (v. 5, 8)e que Deus quer nos mostrar “a suprema riqueza da sua graça, pela sua bondade para conosco em Cristo Jesus”(v. 7). Este deve ser o nosso tema dia após dia.

Este hino de Julia H. Johnston nos proporciona uma maravilhosa oportunidade de cantar esta graça sem par do nosso Deus. Escrito em 1910, foi musicado pelo muito hábil músico e publicador Daniel Brink Towner, no mesmo ano e incluído no hinário Hymns Tried and True, (Hinos Provados e Verdadeiros). O Instituto Bíblico Moody (Chicago) do qual Towner era diretor do Departamento de Música de 1893-1919, publicou este hinário ao longo e profícuo ministério de Towner no Instituto Moody. A Comissão Coordenadora do Baptist Hymnal (Hinário Batista, 1956) escolheu o nome Moody para a melodia.

Julia Harriette Johnston (1849-1919) nasceu em Salinville, Estado de Ohio. Aos seis anos mudou-se com a sua família para Peoria, Estado de Illinois, onde seu pai serviu como pastor da Primeira Igreja Presbiteriana até sua morte em 1864. Julia permaneceu naquela cidade pelo resto da sua vida. Dirigiu o departamento de crianças da igreja por 41 anos. Sua especialidade eram as classes das crianças mais novas. Por muitos anos, produziu material de ensino para o Departamento Primário da famosa editora David C. Cook Publishing Co. Com o coração dedicado a missões, Julia passou muito tempo da sua vida como presidente da Sociedade Missionária da sua igreja.

Julia escreveu e publicou diversos livros entre os quais Fifty Missionary Heroes (Cinqüenta Heróis Missionários). Produziu aproximadamente 500 textos para hinos, musicados por diversos músicos da sua época. Entre eles, é este o hino que continua a ser publicado em hinários ao redor do mundo.

Daniel Brink Towner (1850-1919), compositor do muito conhecido Crer e Observar, nasceu em Rome, Estado de Pensilvânia. Fez seus primeiros estudos na música com seu pai, bem conhecido cantor e professor de música. Continuou seus estudos com George C. Root e outros músicos de destaque . Serviu como diretor de música em várias igrejas metodistas episcopais.

Por causa da sua aprazível voz de barítono e capacidade como regente coral, Dwight Moody convidou-o a associar-se com ele na sua obra evangelística em 1885. Em 1893 tornou-se o primeiro diretor do departamento de música do Instituto Bíblico Moody. Nesta posição exerceu uma influência poderosa na música eclesiástica da região central dos Estados Unidos pelo preparo da liderança musical das igrejas e cantores evangélicos.

Towner continuou a dirigir o departamento de Música do Instituto Moody até sua morte. Compôs mais de 2. 000 hinos e melodias de gospel songs. Compilou 14 coletâneas e hinários. Escreveu livros-textos sobre teoria e prática de música. Foi-lhe conferido o Doutorado em música (honoris causa) pela Universidade de Tennessee em 1900. Faleceu enquanto regia a música num culto evangelístico. Estava mais do que preparado para a morte. Certamente, naquele momento, ouviu do seu Salvador as palavras:”Muito bem, servo bom e fiel;sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei;entra no gozo do teu Senhor”(Mateus 25:21).

Em 1963, este hino apareceu em português, traduzido por Dario Pires de Araújo, uma das 246 produções deste obreiro no hinário Cantai ao Senhor.

Dario Pires de Araújo, paulistano, nasceu em 27 de fevereiro de 1937, num lar cristão. Seu pai, ancião da sua igreja, trabalhou por quase toda a sua vida na Casa Publicadora Brasileira. Os dois irmãos do hinista são pastores e a irmã enfermeira missionária.

Dario Araújo, sempre ligado à igreja, foi batizado em 1953 pelo pastor Rodolpho Belz. Formou-se em teologia pela faculdade Adventista de Teologia, em 1957. Também estudou violino, educação musical, orientação e aconselhamento. Fez cursos de pós-graduação em teologia pela Universidade Andrews, em Berrien Springs, Estado do Michigan, EUA, na década de setenta.

O Pr. Araújo casou-se em 1965 com Lívia Haydée de Araújo, musicista, solista em oratórios e cantatas, professora de diversas matérias de música. O casal tem três filhos, que também usam seu talento musical para o Senhor. Exerceu o magistério musical por 20 anos, ensinado cordas, matérias teóricas, orfeão e canto coral. Também ensinou na área de educação religiosa. Pastoreou igrejas por 15 anos. Atualmente é Capelão do Hospital Londrina, em Londrina, PR.

Membro da comissão responsável da publicação do hinário Cantai ao Senhor, publicado em 1963 pela Casa Publicadora Brasileira, o Pr. Araújo diligentemente escreveu textos, traduziu e adaptou outros, num total de 246 produções. Seguiu-se o preparo de outras coletâneas para todas as faixas etárias das igrejas. Ao todo, as letras e traduções somam nada menos que 3. 000, além de uma dúzia de oratórios e cantatas como A Criação , de Haydn, Elias de Mendelssohn, A Cidade Santa, de Gaul, o Oratório de Natal de Bach e as Vésperas Solenes, de Mozart. Seu maior prazer é ouvir estas grandes obras do repertório sacro universal sendo cantadas em bom português. É autor do pequeno livro Música, Adventismo e Eternidade, publicado em 1989 [e disponível, com a devida autorização do autor, neste site].

Bibliografia: Reynolds, William Jensen, Hymns of Our Faith, Nashiville, TN, Broadman Press, 1964, p. 425.


Veja a partitura cifrada deste hino

Veja este hino também no Ministério Cristo Vai Voltar


Tags: