Música na Balança – Lição 5

Debate Sobre a Música na Igreja, Palestras e Sermões em Vídeo — 21 de maio de 2015 05:00

Uma filosofia bíblica sobre música na igreja e no lar

por: Dr. Frank Garlock and Dr. Kurt Woetzel

Atenção: É muito importante assistir cada lição deste curso na ordem correta, pois cada lição constrói sobre o fundamento da lição anterior.


Música Deixa Sua Marca

Apresentação: Pr. Timothy L. Barrett


Acesse os vídeos das outras lições da série Música na Balança


Apostila da Lição 5
(Clique com o botão direito e escolha ‘Salvar Destino como’, para salvar o arquivo em seu computador.)


Resumo da Lição:

V. Música Deixa Sua Marca
     A. Um Rei Desobediente
     B. Três Efeitos de Música


  • Música nos afeta fisicamente, emocionalmente / mentalmente e espiritualmente.
  • Uma boa maneira de se avaliar uma música: Que tipos de movimentos ela provoca.
  • “Se os movimentos são errados, então a música também é… É a música que causa os movimentos.”
  • “Com os ouvidos totalmente bloqueados, o corpo ainda responde ao som. Isto é porque ouvimos não somente com nossos ouvidos, mas também com nossos corpos.” ( Dr. John Diamond)
  • Qual batida a música Rock emprega, que afeta o corpo como nenhum outro? Batida “anapéstica” ou “backbeat”.
  • De acordo com pesquisas médicas, além de incitar à dança, como esta batida nos afeta? Enfraquece, causa Stress e Irritação e “pensamento invertido”.
  • “Música não só tem uma função positiva em organizar nossas ações musculares, mas, também, menos obviamente, nossos pensamentos e as palavras com que as expressamos.” (Música e Mente)
  • Cientistas estão descobrindo, o que a Bíblia já declarava, que música tem um grande impacto sobre mentes, intelecto, emoções, estado mental, a consciência inteira.
  • “Música é para a mente o que ar é para o corpo.” (Platão)
  • A mente é importante para o Filho de Deus.
  • “Música é especial… alcança o coração… acerta diretamente… e assim se torna ainda mais poderosa.” (Leonard Bernestein)
  • Para ajudar o povo lembrar de sua aliança com Deus enquanto vivessem no meio de um povo idólatra, Deus mandou Moisés e Josué escreverem um cântico. (Deuteronômio 31:19-22)
  • “Toda música…expressa emoção e evoca emoção dentro de nós.
  • “Quando esta música é compartilhada com outros, os ouvintes são convidados a se identificarem com a experiência e as emoções do compositor, e acrescentarem as suas próprias experiências e emoções…” (Fishman e Katsh)
  • “Estrelas de Rock estão brincando com material físsil que pode explodir a qualquer momento.” (Dr. Steven Halpern)
  • Ostinato (em música rock secular e “sacra”): Frase melódica ou rítmica repetida constantemente em uma música. Repetição fora de controle é a ferramenta principal de hipnotismo.
  • Apesar de não entenderem as palavras, “[Jovens] dizem que gostam do som e da maneira que “os faz sentir”. E mesmo assim a mensagem, como a maioria das mensagens comercias, está sendo transmitida em um nível subliminar.” (Dr. David Elkind)
  • “Rock é hipnótico…tem transformado vidas.” (Citação de um especialista não crente.)
  • Pessoas estão sendo transformados em que direção? A resposta está na mensagem das palavras e da música em si. (Volte para lição 4 para ver a mensagem de música Rock.)
  • “Já que ritmos rápidos emitem químicas dentro da corrente sanguínea que excitam o organismo, podemos dizer que tal música literalmente dá uma ‘alta’. Quando um jovem é acostumado a ouvir música Rock rápido por várias horas por dia, tais estímulos se tornam literalmente uma forma de vício, e um sentimento de vazio é experimentado se por uma razão a música não pode ser escutada por um período prolongado de tempo.” (David Tame)
  • Música afeta pensamentos, filosofias, comportamento e até palavras.
  • “Há muitas formas de música, sejam seculares ou sacras, que provocam estados de mente pensativos, de idealismo, de percepção de beleza, de aspiração, de alegria santa. Existem outras formas de música que criam estados mentais de temeridade e excitação sensual. Evidentemente não é preciso muito bom senso para saber quais formas são mais apropriadas para funções religiosas.” (Richard S. Taylor)
  • Pense: “Decisões” e “Entregas de Vidas” em concertos de “Rock Cristão” estão sendo produzidas por causa de pregação clara do Evangelho?
  • “O que frequentemente entra nas igrejas como música gospel contemporânea é textualmente quase-religioso no seu melhor, com pouca ou nenhuma base e foco bíblico sólido” (Robert Berglund)
  • “Maldito aquele que fizer a obra do SENHOR fraudulosamente” (Jeremias 48:10)
  • “Há um certo tipo de música sobre a qual demônios não se sentem confortáveis. Por outro lado, há um tipo de música sobre a qual espíritos maus têm mais facilidade em progredir com seu trabalho e influência.” (Leonard Seidel)
  • Música sacra não é para entretenimento, mas sim para: 1o Louvar ao Senhor; 2o Ensinar Teologia. (Colossenses 3:16)
  • Música tem uma profunda influência na vida espiritual do povo de Deus!

Fonte: Igreja Batista Emanuel de Jundiaí


Tags: ,