Pergunta 54: O que é uma escala musical?

Diana Goulart: É uma seqüência de sons consecutivos em movimento ascendente (do mais grave para o mais agudo) e descendente (do mais agudo para o mais grave), limitada pela oitava, cuja nota representativa é o centro de atração. Esta sequência de notas têm um “desenho” característico, ou seja, obedecem a uma estrutura que determina a distância exata (intervalo) entre cada som e o próximo. Consequentemente, a estrutura também define os intervalos entre cada som e o centro de atração (que é o primeiro grau).

Por exemplo, as notas dó – ré – mi – fá – sol – lá – si – dó tocadas nesta sequência formam uma escala ascendente (escala de dó maior). Cada um destes sons é chamado de grau da escala, e é numerado conforme sua posição a partir do centro de atração. Para formarmos outras escalas, precisamos usar os acidentes (sustenidos ou bemóis, conforme o caso) para ajustar os intervalos. Por exemplo, a escala de fá maior tem as notas fá – sol – lá – si bemol – dó – ré – mi – fá.

Podemos representar este exemplo por uma escada. A nota dó é o primeiro grau (primeiro degrau da escada), a nota ré é o segundo grau, mi é o terceiro grau e assim por diante. Esta é uma escala maior; uma escala menor teria outra configuração, pois a distância entre os seus graus é diferente.

             
              8º Grau
            Si
          7º Grau  
          6º Grau    
        Sol    
        5º Grau      
           
      4º Grau        
    Mi        
  3º Grau          
  2º Grau            
           
1º Grau              
             

Uma escala também pode ser definida como o conjunto de notas disponíveis num determinado sistema musical.


Voltar para o Índice de Perguntas e Respostas sobre Canto


Diana Goulart é professora de Canto, fonoaudióloga, pesquisadora do canto e palestrante sobre diversos temas ligados à voz e ao canto. Para informações mais detalhadas, visite http://www.dianagoulart.com


Veja nota dos editores do Música Sacra e Adoração