Estudos Bíblicos: Adoração – Lição 01 – Adoração em Gênesis: Duas Classes de Adoradores

Esquema para Apresentação da Lição

Pr. David Thomas


Textos: Gênesis 3:1-13; Gênesis 4:1-4; Gênesis 6:1-8; Gênesis 12:1-8; Gênesis 22:1-18; Gênesis 28:10-22; Tito 1:2


Pergunta Introdutória: O que é esta coisa que chamamos de “Adoração”?

Durante todo este próximo trimestre, o assunto da nossa lição será a questão da adoração. Tem sido dito que os seres humanos possuem uma necessidade e capacidade de adorar alguma coisa. Aparentemente, somos pequenos demais para sermos bem sucedidos em termos uma referência em nós mesmos e assim, procuramos um ponto de referência fora de nós. Certamente, os registros da história pareceriam apoiar este conceito pois, em todos os lugares e em todas as épocas, houveram lugares designados para a adoração, símbolos especiais de adoração e também ocasiões de adoração. Algumas das melhores criações do gênero humano têm sido no interesse da adoração – arte, arquitetura, poesia, escultura, cerimônias.

Nesta semana, vamos observar o que é adoração. Vamos tentar defini-la. Para isto, vamos observar eventos de adoração, conforme estão relatados no livro bíblico de Gênesis para ver se conseguimos encontrar padrões ou tendências que poderiam nos orientar.

  • Você consegue definir adoração?
  • O que você acha de definirmos adoração como sendo um ato de atribuir valor ou dignidade a alguém ou a alguma coisa?
  • Com base em que podemos dizer que Deus é digno de nossa adoração?
  • Qual é o papel ou lugar de um ser humano que deseja adorar?

Agora vamos ao livro bíblico do Gênesis

Éden:

  • Você acha que a adoração ocorria no Éden, onde tudo era perfeito? Havia necessidade disto?
  • Como você acha que uma coisa como esta deve ser parecido em um ambiente perfeito?

A Queda:

Em Gênesis 3 existe a trágica história da queda, criado uma grande separação entre Deus e o homem. Em vez de encontrar-se com Deus face a face, Adão e Eva se esconderam de Deus.

  • Que efeitos a queda teve na adoração?
  • O que você acha que se tornou o efeito mais difícil do pecado na adoração?

Fora do Éden:

A história do Gênesis possui logo no início (capítulo 4) uma cena de adoração notável, que aconteceu do Aldo de fora do Éden, envolvendo dois irmãos, Caim e Abel.

  • Quais eram as principais diferenças entre as formas de adoração dos dois irmãos?
  • Que implicações você pode extrair da maneira como Caim executou seu ato de adoração, em oposição à maneira como Abel o executou?
  • Você concordaria que estes dois irmãos chegam a representar duas classes de pessoas na terra, duas classes de adoradores?
  • O que a presença de um sacrifício no lugar de adoração tem a nos ensinar?
  • Esta história sugere que a adoração pode ser perigosa; pelo menos a discordância acerca da adoração pode ser. Por que você acha que isto pode ser assim?

Note a primeira coisa que Noé fez depois que saiu da arca (Gênesis 8:20).

  • O que você acha desta atitude?

Em Gênesis 22:1-18, está a história de Abraão e o quase sacrifício de seu único filho, Isaque.

  • Que lições de fé e confiança podem ser vislumbradas a partir desta história? E o que também pode ser aprendido acerca das provisões que Deus faz para nós?
  • O que você acha de todo o conceito de sacrifícios, como ele se apresenta no livro de Gênesis?

Em Gênesis 28:10-22 está a história bem conhecida de Jacó e Esaú, e a fuga de Jacó de casa depois de seus atos de engano. Durante a sua fuga, Deus se aproximou. Note, em particular, os versos 16 e 17 e sua expressão de temor e mesmo de medo.

  • Você acha que estes sentimentos têm um lugar apropriado na adoração? Em caso afirmativo, por que a parte do medo?
  • Você acha que existe temor e mesmo medo nos eventos de adoração hoje em dia? Deveria haver? Em caso afirmativo, como estas coisas devem acontecer?

A autora da lição aponta que no livro de Gênesis, vemos a emergência de duas linhagens de pessoas: aqueles que adoram a Deus e aqueles que criam seus próprios planos e artefatos de adoração.

  • Você acha que é fácil ou difícil para os seres humanos adorarem a Deus?
  • A adoração é um resultado de uma compreensão clara de quem e o que Deus é, ou é alguma coisa que precisamos criar e conjurar?
  • A adoração é, de maneira primária, um sentimento ou não?

O Pr. David Thomas é Reitor da Faculdade de Teologia da Universidade Walla Walla.

Traduzido por Levi de Paula Tavares em Setembro de 2011


Fonte: Good Word


Índice Geral por Tema

Índice Geral por Autor