A Música e a Congregação

O adorar constitui ato individual. Não é alguma coisa que outrem faça por você, e que você a aceite a distância. É uma experiência pessoal e não um reconhecimento da devoção alheia.