Rock, Revolução e Satanismo – Conclusão

por: Orlando Fedeli

“Os nazarenos não se levantarão jamais”.

Esse é o grito apóstata que o Rock faz jovens cristãos cantarem.

É evidente que muitos jovens , que apreciam o Rock, dirão que não aceitam esse Rock satânico, e nem o que se chama de Rock pesado. Este argumento procede tanto quanto o do drogado que afirma não aceitar cocaína, mas apenas drogas leves. Quem é viciado em drogas leves é um toxicômano. Normalmente caminhará até o uso de drogas pesadas. Ora, o vício em drogas leves também é vício, também é condenável. O Rock satânico ou pesado explicitou, em termos claros, o que estava subjacente no ritmo alucinante – e por isso irracional – e na magia do Rock, desde o seu início. O repúdio da razão e a colocação da sensação como valor a ser buscado por si mesmo significavam um repúdio da sabedoria que o homem alcança, sobrenaturalmente com a graça, e naturalmente por meio de sua inteligência. O repúdio da razão propagado pelo liberalismo e pelo romantismo significava uma recusa da verdade. E a verdade é Nosso Senhor Jesus Cristo. “Ego sum Veritas, via et vitam” (Jo). É de estranhar que esse repúdio de Verdade – Cristo – acabasse conduzindo ao Satanismo?

O Rock nos parece então um gênero musical intrinsicamente mau. Não é possível aceitá-lo. A Igreja teve censuras graves contra outros ritmos modernos como valsa e o tango. Que diria S. Pio X do Rock? E como consideraria ele os sacerdotes que querem utilizar esse ritmo satânico até nas missas para atrair os jovens?

O que atrai as almas é Cristo. “Quando eu for levantado atrairei tudo a mim” disse ele (Jo).

Não é permitindo aos jovens entregarem-se às sensações mais baixas que se os elevará até a santidade e se os levará ao céu.

Para salvar a juventude de nossos dias é preciso fazer com que ela ame a beleza verdadeira da boa música, reflexo da beleza infinita de Deus. É preciso fazer a juventude amar o heroísmo e o sacrifício – isto é a cruz de Cristo – e não entregá-la ao prazer. É preciso fazer com que ela ame a verdade, para que tenha sabedoria. Só assim novos nazarenos se levantarão.

Deus, que é capaz de fazer das pedras filhos de Abraão, é também capaz , em sua onipotência misericordiosa de transformar essas pobres almas dos jovens de hoje entregues a Satanás, em novos nazarenos. Que a Virgem Rainha de toda formosura, realize. muito em breve esse milagre.


Fonte: http://www.montfort.org.br


Parte anterior

Escolher outra parte