Propagandas com Mensagens Subliminares

Encontramos muitos tipos de Propaganda Subliminar

Na rua, por onde transitamos: Quando estamos caminhando ou dirigindo por uma rua, avenida, estrada, nossa audição e visão captam milhões de informações, conscientes e inconscientes, que poderão serem recordados horas ou dias depois (conscientes) e que não conseguimos lembrar (inconscientes), pois bem, no segundo caso, se passamos por um outdoor estrategicamente planejado com mensagem subliminar, pelo anunciante, enquanto nossa visão consciente fixa no nome do anunciante, a imagem de fundo passa desapercebida, ficando o nome gravado no nosso consciente e a imagem de fundo no inconsciente – e essa imagem inconsciente ficará como uma Mensagem Subliminar na nossa mente, influenciando futuramente na sua tomada de decisão.

Empresas estão investindo pesado em merchandising de outdoor, seqüencialmente em grandes avenidas ( a exemplo de São Paulo ), com lindos visuais e iluminados, chamando a atenção do motorista e seus acompanhantes, conforme vamos deixando um outdoor para trás, outro vai surgindo; com a rapidez do carro, a pessoa sempre vai observando as figuras ilustrativas; a mensagem escrita, normalmente curta e objetiva, vai direto para mente inconsciente – na hora da opção de escolha, na aquisição do produto, o poder do merchandising falará mais alto, é a “senha” para escolha, implantado na mente.

Nos estabelecimentos comerciais: Quantas vezes você sentou na mesa de um restaurante, o garçom veio e lhe perguntou: “o que vai beber ?” – (numa parede do restaurante, em ponto estratégico, estava um cartaz com a propaganda de uma determinada bebida) – você não observou conscientemente o cartaz – mas com certeza ele influenciará na sua tomada de decisão naquele momento.

Nos veículos de comunicação: O Subliminar tem seu potencial melhor aproveitado quando inserido dentro da programação normal do que nos intervalos comerciais, burlando assim, os mecanismos de defesa do consumidor.

Exemplo clássico de mensagem subliminar está no filme Blade Runner, de 1982, onde a Coca-Cola usa o filme, como merchandising.

O Merchandising, como é conhecida esta técnica subliminar, tem sido constantemente usada por grandes empresas, para induzir a público consumidor, ressaltando que nós, Seres Humanos somos psicosomatizadores.

No filme Blade Runner, todo o quadro é preenchido por uma poluição visual urbana com dezenas de anúncios, nunca focalizados plenamente graças ao timing rápido das mudanças de enquadramento, movimento ágil da câmera focando os atores em ação e a edição com rápidos e freqüentes cortes nervosos que estonteiam, como um vídeo clipe.

O cenários com fundos subliminares são imperceptíveis graças à edição veloz . Não há tempo de efetuar uma varredura ocular pela tela. Assim, o espectador focaliza os atores e deixa-se envolver pela trama da narrativa, enquanto sua visão periférica recebe subliminarmente as dúzias de anúncios que pagaram o filme.

O Merchandising pode ser definido como toda a inserção comercial em shows, novelas, filmes e eventos, porém não é um comercial direto do produto.

Quem não se lembra de já ter visto em alguma novela um personagem bebendo aquela cerveja cujo rótulo e marca aparecem claramente na imagem ou então em uma partida de futebol você notar a existência de várias placas colocadas ao longo do campo exibindo marcas ou nomes de produtos, enquanto sua atenção está nas jogadas, sua mente inconsciente vai captando as propagandas do campo, inclusive aquelas inseridas pela emissora, durante a transmissão dos jogos.

Inserido em histórias como filmes ou novelas, quanto mais aparece o produto, melhor é o resultado do merchandising. Basta que se perceba a sua presença.

Muito cuidado com as mensagens subliminares

As crianças são facilmente induzidas pelas mensagens subliminares, uma vez que passam horas na frente de uma televisão, e as mensagens subliminares estão embutidas até mesmo em desenhos animados, influenciando no desvio de comportamento e influenciando na vida das pessoas.

É comum vermos nos filmes personagens fazendo tramas, trapaças, falando em lavagem cerebral, guerra psicológica, sexo, violência, drogas, promovendo um verdadeiro confronto com o próprio EU interno das pessoas, estimulando o lado “negativo” do Ser Humano, induzindo de forma covarde e silenciosa os espectadores. Sempre o espectador se identifica mais com um personagem e, no desenrolar dos acontecimentos, o espectador começa a agir e tenta assumir até mesmo a personalidade do personagem, no modo de se vestir, caminhar, falar e agir; se transformando até em super heróis ou ninjas. Infelizmente a televisão tem sido responsável pela mudança de comportamento da sociedade, promovendo a desunião dos casais, destruição de milhares de lares, levando os jovens a conhecerem as drogas e a prostituição. Quando não se tinha televisores e vídeos cassetes o comportamento da humanidade era diferente, estamos pagando o preço do progresso e do desenvolvimento tecnológico. Cabe a cada um de nós decidir o que assistir na TV.

A internet está sendo um grande canal de utilização de mensagens subliminares, inseridos em banners.

Interessante salientar que num determinado período da história dos EUA, foi estimulado o consumo de espinafre na população, com o intuito de diminuir a onda de anemia que se abatia naquele País, então criaram o personagem Marinheiro Popay e a Olivia Palito, que até hoje está em cartaz, a trama da estória era o ciúmes do Marinheiro por sua namorada, e como mensagem subliminar vinha o espinafre, para o personagem infantil ficar forte e enfrentar seus rivais, mas pouca gente atentou ao detalhe do cachimbo do Popay que estimulava e estimula até hoje subliminarmente o consumo do tabaco.

Os poderes da comunicação subliminar são muito grande; nos estádios de futebol são colocados estrategicamente propagandas, conforme a câmera acompanha uma jogada, as propagandas aparecem centenas de vezes no fundo, a atenção do espectador está no jogo e as mensagens subliminares vão aparecendo, mas a televisão utiliza muitos recursos de mensagens subliminares e de indução de massa a todo instante, não só em propagandas veiculadas na telinha, mas em programas de auditório também, um apresentador de programa tem forte influência na tomada de decisão dos telespectadores, se estes tem simpatia pelo apresentador(a), fatalmente serão influenciados pelos produtos divulgados pelo mesmo, aceitando até a opinião e considerações do apresentador, numa abordagem de tema, podendo ser um formador de opinião. É muito comum um apresentador lançar produtos com sua marca, pois ele sabe da tamanha influência que exerce perante a opinião pública; sabendo disso, os apresentadores deveriam refletir melhor e utilizar do poder de comunicação que possuem para melhorarem as condições de vida da população e promoverem a higienização mental familiar.

Existem empresas que se utilizam de mensagens subliminares para induzirem seus funcionários, enviando para os terminais de computadores da empresa mensagens sob efeito flicker, onde, inconscientemente, sem perceberem, os digitadores recebem dizeres tipo “trabalhe rápido”, “mais rápido”, “amo meu trabalho”, etc, para aumentar a produtividade dos empregados.

Hoje as igrejas também se utilizam de mensagens subliminares para conquistar seu quinhão, e arrebanhar cada vez mais “fiéis”. Na política também são utilizadas sublinarmente para conquista de votos e simpatias. No comércio para arrebanhar cada vez mais clientes. Nas agencia bancárias; enfim, as mensagens subliminares teoricamente, norteiam nossas vidas, estão por todas as partes, naturalmente ocultas e são enxertadas e inseridas na mídia em geral, de maneira que a percepção seja inconsciente, sem que você perceba, é evidente !.

Existem varias técnicas e métodos de mensagens subliminares, cada qual endereçada a órgãos dos sentidos específicos, sendo os principais a audição e a visão.


Fonte: Publicado originalmente em: http://groups.msn.com/HIPNOSECLINICA/mensagemsublimin.msnw