Artistas ou Salmistas?

por: Estrellita Gastaldi

“Ora, vede, irmãos, a vossa vocação, que não são muitos os sábios segundo a carne, nem muitos os poderosos, nem muitos os nobres que são chamados. Pelo contrário, Deus escolheu as coisas loucas do mundo para confundir os sábios; e Deus escolheu as coisas fracas do mundo para confundir as fortes; e Deus escolheu as coisas ignóbeis do mundo, e as desprezadas, e as que não são, para reduzir a nada as que são; para que nenhum mortal se glorie na presença de Deus”. I Coríntios 1:26-29.

Irmão, irmã, qual é a tua vocação? Que interessante observação nos faz o apóstolo Paulo, não é verdade? E mais adiante ele acrescenta:

“Quem é que fez você superior aos outros? Não foi Deus quem lhe dou tudo o que você tem? Então por que é que você fica orgulhoso como se o que tem não fosse dado por Deus?” I Coríntios 4:7 (BLH).

Uma coisa é certa: Deus não nos escolheu porque melhores do que alguém; pelo contrário, Deus escolheu o que era nada, para que nos gloriássemos apenas nEle. Lembrar disto nos mantém humildes e humilhados diante de Sua presença e nos posicionará sempre no lugar correto diante dos demais.

És talentoso? Glória a Deus!
Cantas belamente? Glória a Deus!
Tocas muito bem teu instrumento? Glória a Deus!
Tens gravado muitos Cd’s? Glória a Deus!

Sabias que as riquezas do Salmista (homem) não consistem nos discos (bens) que possui (permitam-me a paráfrase)? É disso que estamos falando… Sempre e em tudo, a glória é do Senhor e para o Senhor. Diferentemente do mundo, na música Deus não tem artistas, mas sim salmistas. É claro que existe arte em ti! Mas toda a arte que há em ti foi dada pelo Senhor, pela Sua graça. Nada te pertence e a parábola nos ensina que um dia Ele te pedirá contas por cada talento que tenha dado a ti.

Não há nada mais feio do que estar deslocado. Tenho escutado Marcos Witt dizer: “alguns são artistas, sim, mas com “F” de fartar, de encher, de empanturrar… são fartistas com “F”. Conheces algum irmãozinho assim? Em meu país se usa muito uma frase que diz: “Subiu no cavalo”. Ou seja, é um arrogante com ares de grandeza. Aquele que não quer descer, Deus o derruba!

O que busca um artista e qual é sua vocação? Vanglória, êxitos, aplausos, reconhecimento, fama, o primeiro lugar, servir-se de riquezas, satisfazer seus próprios desejos, admiração… Em uma palavra: é um egocêntrico. Tudo é para si mesmo.

Porém, ao contrário, o que busca o salmista e qual sua vocação? Glorificar a Deus, adorá-lO, guardar o coração, servir, humilhar-se, obedecer a Deus e anelar Sua vontade. Em uma palavra: é Cristocêntrico. Tudo – inclusive ele mesmo – é para Deus.

O Senhor, a Seu tempo, nos recompensará, pois e Ele servimos e adoramos. Onde está teu coração? Onde está teus olhos? Qual é tua vocação? Alguma vez viste a entrega do Grammy e desejaste aquele galardão? Pense nisto: que valor tem esta estatueta insignificante comparada à coroa incorruptível de glória que o Senhor tem preparada?A Deus servimos, irmãos, e Deus não deve nada a ninguém.

“E, quando se manifestar o sumo Pastor, recebereis a imarcescível coroa da glória. Semelhantemente vós, os mais moços, sede sujeitos aos mais velhos. E cingi-vos todos de humildade uns para com os outros, porque Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes. Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte”. I Pedro 5:4-6.

“E tudo quanto fizerdes, fazei-o de coração, como ao Senhor, e não aos homens, sabendo que do Senhor recebereis como recompensa a herança; servi a Cristo, o Senhor”. Colossenses 3:23-24.

Ninguém se jacte em Sua presença. Lembremo-nos de manter nossos olhos somente em Jesus, reconhecer que somente nEle está nossa glória, e que toda a nossa arte não O impressiona nem um pouco, pelo contrário. Certamente não gostamos destas palavras… “néscio, débil, vil, menosprezado”… sem dúvida, é justamente por isso que nos basta Sua graça, porque “Seu poder se aperfeiçoa na debilidade”.

Não és artista, és salmista e, creia irmão, existe um abismo entre os dois.

Que Jesus resplandeça em ti e que Seu Amor e Sua Graça te cubram plenamente diante de Sua presença, para a salvação dos perdidos e a glória de Seu nome.


Fonte: Publicado originalmente em: http://www.knrmusic.com/Artistas.html

Traduzido por Adrian Theodor em 01/2004